A Maratona 2013 chegou!

A proposta é de tirar o fôlego. Uma maratona de livros de banca.
Um romance por mês, cada um com um tema diferente.
Começando em abril e indo até março de 2014.

 photo textoinicial_zpsdaf5f322.png

Patricia Ryan - Dragão Negro - Resenha de Março da Fabiana Luchete

3 comentários


Inglaterra, 1776

A Bela...
Assim como seus ancestrais saxões, Faithe de Hauekleah faria qualquer coisa para preservar seu lar e seu modo de vida, até mesmo aceitar casar-se com um guerreiro de reputação feroz, embora jurasse para si mesma que jamais entregaria o coração! Contudo, ela não imaginava o que viria a sentir nos braços de Luke. Nunca pensou que um homem pudesse ser tão forte a ao mesmo tempo tão gentil, tampouco que pudesse guardar um segredo capaz de separá-los... A Fera...
Conhecido como o Dragão Negro, tanto pelos amigos quanto pelos inimigos, o notório Luke de Périgeaux encontra a redenção nos braços de Faithe, porém guarda um segredo monstruoso, que jamais poderá revelar a ela...

Minha opinião.
Nos primeiros capítulos pensei: VAI PEGAR FOGO!!!


Só o nome Dragão Negro atiçou toda a minha imaginação. Foi uma surpresa, principalmente a mocinha Faithe. Ela era diferente: corajosa, forte, inteligente, capaz de lidar com as situações mais diversas.

Até casar com um desconhecido com uma reputação infame e feroz para preservar suas terras e proteger sua gente.

Ah! Tem mais Faithe partiu para o ataque quando o mocinho Luke não quis dormir com ela na noite de núpcias, Faithe achando que Luke queria mandá-la embora tratou logo de por uma linda camisola para aguçar nosso mocinho.Hot!!!.

 
Foi outra grande surpresa, pois Luke não fez amor com Faithe no dia do casamento e demorou um pouco. A imagem de Luke alto, moreno, forte era diferente do homem descrito nos campos de batalha. Queria mudar ter uma família, ter uma mulher que o amasse. Nunca tinha se deitado com mulheres da nobreza, só com prostitutas e foi descobrir que podia ser bem diferente com Faithe.

Então já podem imaginar que quando eles fazem amor é diferente de tudo que queriam. Faithe não tinha vergonha que nem outras mulheres naquele tempo, então gostei muito. Luke era cheio de escrúpulos, tentou mudar e conseguiu.

O Dragão Negro rendeu-se ao amor e a paixão.Faithe até o salvou de ser morto! Bem diferente dos demais histórias que quase sempre é a mocinha que é salva. E não podemos esquecer do irmão Alex um personagem muito hot chamado de Lobo Branco com as duas gêmeas, os três são muito divertido e quentes.

A história tem um pouco de tudo alegrias, tristezas e algumas risadas.

Valeu a leitura.



Se você gostou, compartilhe!
Digg it StumbleUpon del.icio.us Google Yahoo! reddit

3 Response to Patricia Ryan - Dragão Negro - Resenha de Março da Fabiana Luchete

25 de março de 2010 20:22

Aiiii, adoreeeei!!!! Quero ler esse também!!!!

26 de março de 2010 11:16

Eu já li esse. Gostei também!

28 de março de 2010 17:08

Peguei este livro para troca, e a pessoa acabou não ficando com ele...ai, foi parar na famosa pilha dos "para ler". Acho que vou passar ele na frente hehehe...

Postar um comentário