A Maratona 2013 chegou!

A proposta é de tirar o fôlego. Uma maratona de livros de banca.
Um romance por mês, cada um com um tema diferente.
Começando em abril e indo até março de 2014.

 photo textoinicial_zpsdaf5f322.png

Resenha da Iara Paula Oliveira - Miranda Lee - Sedução Inocente - Julia 1252

1 comentários


Justin McCarthy, o homem mais cobiçado da cidade de Sídnei, é também o mais inacessível.
Ele é desejado por todas as mulheres disponíveis, dispostas a gastar seus milhões durante o
dia e a se aninhar em sua cama a noite… Bem, todas as mulheres exceto Rachel Witherspoon!
Para ela, o único objeto de cobiça que envolve Justin é o emprego como assistente pessoal do
magnata. Para ele Rachel é o modelo de secretária que sempre sonhou ter: eficiente, dedicada,
inteligente… e absolutamente desprovida de sex-appeal… Até que, inesperadamente, ela revela
a mulher atraente e sensual que se esconde por detrás da aparência comportada. E provoca nele
uma perigosa revolução em seu mundo controlado!


Sou muito, mas muito fã mesmo da Miranda Lee, mas confesso que poderia ter passado sem esse livro. Apesar de Romances no Escritório ser um tema que eu gosto bastante, essa história não me empolgou nem um pouco. Como já disse em outras resenhas, gosto de homens donos de si, que sabem o que quer, e vão com tudo sem titubear, e infelizmente o Justin não é assim.


Ele mantém um caso com sua secretária, mesmo desprezando todos que fazem isso, sofre de baixa estima graças a sua ex mulher que o traiu com o próprio chefe, mas antes de abandoná-lo dá um jeito de estraçalhar o amor próprio do cara. Ele ainda passa o livro quase todo dizendo a si mesmo que ainda ama a ex esposa e odiando o chefe dela por tê-la seduzido.


A mocinha não fica atrás do mocinho não. É outra que tem a estima bem baixa, também foi traída e abandonada pelo noivo, se veste como uma sexagenária e tem uma crise totalmente fora de propósito quando encontra o ex noivo acompanhado de outra mulher em uma viagem que faz com seu chefe a negócios.


É claro que com o desenrolar da história a personalidade de Rachel muda bastante, assim como seu jeito de se vestir e arrumar os cabelos, e dessa forma acaba seduzindo Justin que está no celibato desde o abandono da esposa.


A meu ver a autora passou mais tempo frisando a dor do abandono e as inseguranças do casal principal do que desenvolvendo um relacionamento sólido entre eles. Achei que poderia ter baseado o envolvimento dos dois mais em emoção do que apenas em sexo como ficou sugerido, apesar das cenas de sexo não serem tão hots assim.


Enfim, não gostei nem um pouco desse livro e não o recomendo de jeito nenhum, pois apesar da história ser curta ele não é bom nem como passatempo.
Se você gostou, compartilhe!
Digg it StumbleUpon del.icio.us Google Yahoo! reddit

1 Response to Resenha da Iara Paula Oliveira - Miranda Lee - Sedução Inocente - Julia 1252

30 de maio de 2012 00:45

Também li esse livro para a Maratona e concordo com vc, não eh um dos melhores livros da Miranda Lee. Mas atribui isso mais aos milhares de cortes que fazem na história (embora ache q, mesmo q não houvessem cortes ainda serie um livro bem + ou -)

Mesmo assim achei um bom passa-tempo =)

teh mais

Postar um comentário