A Maratona 2013 chegou!

A proposta é de tirar o fôlego. Uma maratona de livros de banca.
Um romance por mês, cada um com um tema diferente.
Começando em abril e indo até março de 2014.

 photo textoinicial_zpsdaf5f322.png

Ana Vera Lemos - No Silêncio das Paixões - Paixão ardente - resenha da Hanne Lúcio

2 comentários

Sônia Literato era uma jovem professora, inexperiente, mas disposta a mudar sua vida. Ao aceitar aquele emprego na pequena cidade de Água Branca, pretendia deixar de ser definitivamente aquela garota presa à família, dependente, para se libertar como mulher, cheia de feminilidade, vivendo intensamente sua sexualidade.

Nisso consistia seu ideal de liberdade e a essência do que desejara para si ao se transferir para uma cidade nova. Teria seu trabalho, sua vida, seus romances. O tempo se encarregaria de ensiná-la a descobrir mais e mais.

Aquela pacata e silenciosa cidade escondia, no entanto, segredos em suas ruas vazias e escuras. Fantasmas assombravam a cidade e vagavam no meio da noite, levando medo e perigo. Ao se envolver com o homem mais rico e poderoso da cidade, Sônia atraiu para si a ira e a atenção desses fantasmas. Agora teria de conviver com eles... Ou enfrentá-los!


Considerações: Primeiramente gostaria de dizer que achei bem bacana o tema deste mês, nada melhor do que valorizarmos o que é nosso. Valorizarmos nossos talentos! Parabéns pela iniciativa, meninas!!!

Nunca tinha lido um livro de banca de um autor brasileiro, na verdade nem sabia que havia. E para ser bem sincera, este livro foi uma agradável surpresa.

Gostei bastante do livro. É uma leitura rápida, mas interessante e envolvente. A forma como a autora narra os fatos tornam-os ainda mais interessantes. Gostei principalmente do clima de tensão, perigo, segredos e mistério no ar. Isso só mostra o quanto os autores brasileiros são bons e merecem sim, chances de poderem demonstrar seus trabalhos em locais, culturas e países diferentes.

Achei a mocinha um tanto “tonta”, muito crédula; principalmente por ser uma moça da cidade que vai viver no interior. Ela deveria ser mais realista, estar mais acostumada ao fato de que nem tudo que reluz é ouro, por mais protegida que fosse. 

O livro tem vários vilões, um querendo derrubar o outro; um passando a perna no outro, e nenhum mocinho, ou pelo menos, um mocinho da forma que estamos acostumadas a ver (mocinho salva mocinha e os dois vivem felizes para sempre). Acredito que quem mais chegou próximo de ser o herói foi o delegado, mas nem por um momento ele é visto como possível pretendente por Sônia.

Existem algumas passagens bem hot, com descrições de cenas de amor. Acho que o que deixou a desejar foi o final, pois me senti perdida. Não acreditei que a estória tinha acabado daquele jeito. Sabe quando você sente que mais alguma coisa vai acontecer, alguém vai surgir e de repente, nada acontece, tudo termina daquela forma insossa, fosca, sem graça? É justamente o que aconteceu com esse livro. Me senti frustrada.

Bem, de qualquer forma, vale a pena ler para conhecer!
Se você gostou, compartilhe!
Digg it StumbleUpon del.icio.us Google Yahoo! reddit

2 Response to Ana Vera Lemos - No Silêncio das Paixões - Paixão ardente - resenha da Hanne Lúcio

9 de setembro de 2010 23:27

As vezes acontece.... o livro começa bem, mas depois desanda.... That's life, rs...

16 de setembro de 2010 22:58

E eu que achava que ultimamente todos os livros
que tenho lido são tão...tão chatos,
encontrei outro, rsrsrs
bjs.

Postar um comentário